Voltar     Blog
 

Já ouviu falar do PIX? Clique aqui e saiba exatamente do que todos estão falando

O Pix, sistema de pagamento instantâneo desenvolvido pelo Banco Central, está previsto para estrear em novembro. Descubra como funciona e para que serve.

12 de novembro de 2020
2 min de leitura

Criado pelo Banco Central, o Pix é um novo meio de pagamento disponível para transações bancárias. Ao lado dos conhecidos TED e DOC, o Pix estreia com a diferença de que o tempo total da transação é de menos de 10 segundos, anulando a questão do “só vai cair amanhã”, discutida entre quem paga e quem recebe. 

O funcionamento do Pix se dará por meio de aplicativo, e cada pessoa terá sua chave de acesso fornecida pelo próprio Banco Central. Essa chave é pessoal e intransferível, apresentando máxima segurança para a operação. 

Por ser criado pelo Banco central, o Pix também pode ser chamado de “Pix do Banco Central“, por tanto, se ouvir este outro nome, não fique em dúvida, mas saiba que os dois são a mesma coisa.

A primeira etapa para utilização do Pix é a criação de uma chave de acesso. Esta chave pode ser criada com auxílio dos canais de atendimento da Credimogiana, principalmente pelo APP Sicoob, e seu uso é obrigatório na realização das transações.

No ato do pagamento, basta escolher a chave Pix da Credimogiana e pronto, você usará a chave para permitir a operação. 

Gostou da ideia? Então, é hora de se cadastrar e começar a usar. 

A chave é uma forma de receber um Pix sem precisar informar seus dados pessoais. Funciona como um login, ou seja, pode ser aleatória (um conjunto de números, letras e símbolos gerados aleatoriamente), CPF, e-mail ou telefone, que identificará a conta do destino de recursos.

Uma diferença entre empresas e pessoas físicas, é que a primeira poderá oferecer o Pix como forma de pagamento aos clientes através de um QR Code, gerado no ato. 

Segundo o Banco Central, o Pix:

  • Estará disponível 24 horas do dia, todos os dias, inclusive finais de semana;
  • Terá suas transações concluídas em menos de 10 segundos;
  • Será gratuito para pessoas físicas, inclusive MEIs (microempreendedores individuais). 

E aí, gostou do Pix? Fale com a Credimogiana e saiba mais sobre este serviço muito útil na vida financeira de pessoas e empresas. Clique aqui e seja atendido por nossa equipe